segunda-feira, 25 de março de 2013

Nossos Olhares Saciados

Visualizações:



Meu olhar amanhecido acompanha
o esvoaçar das madeixas negras
dos seus cabelos embaraçando-se ao vento
e meus devaneios vociferam paixões.

Meu olhar amanhecido te mirando
e contornando tuas formas divinais
que arrepiam ao meu toque ousado
e teus devaneios gritam pelas estrelas.

Teu olhar amanhecido a me cuidar
quase que de soslaio a divagar
pelas recordações das poesias para ti
que compus enquanto os deuses se embriagavam.

Teu olhar oceânico e donairoso
que encanta todos os meus feitiços
e é quando nos desejos secretos eu atiço
aquele fogo que roubei das piras do Olimpo.

Nossos olhares ímpares extraviados
como que mergulhados  em êxtase empírico
desgastados como nossos eus tão líricos
que amanhecidos se desentrelaçam nos lençóis

a espera das músicas de todos os arrebóis
ou apenas se observam calados e saciados
pelas luzes que emanam da foz das almas
que se fundiram nesse ser denominado nós.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...