terça-feira, 20 de novembro de 2012

Vozes Doridas

Visualizações:


Para eu falar de solidão
verbalizar meu coração
nessa minha ânsia de sentir
tanta saudade do que não vi;

terei que usar de mil palavras
que em verdade não dizem nada
somente um choro em mim contido
e um querer já contorcido.

Para eu falar dessa minha dor
terei que resignar o amor
que transpõe eras e morre em guerras
que bombardeia meus pensamentos;

deixando em chamas todos vernáculos
que eu propus em poesias
e abandonei num tabernáculo
por vários anos ou por um dia.

Então o certo será calar
deixar fluir toda sensação
deixar padecer devaneios sãos
para galgar minha insanidade;

pois sei que ela é minha verdade
diluída em óleos aromatizantes
causando olências inebriantes
espalhando aos ares minha insensatez.

E ficarei aqui sentado observando
todos os espelhos voarem nas nuvens
até que o seu reflexo surja flamejante
e se funda ao meu no sol rei fulgurante.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

2 comentários:

  1. Lindo! Lindo!! É muito gostoso de se ler!

    Tenha um lindo dia!
    Beijinhos!!♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Mari e tenha um dia iluminado também!
      Bjuussss!!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...