sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Suor e Sátiras

Visualizações:



Dias oníricos
ou panturrílicos
colhendo espíritos
ou apenas sendo um.

Dias fatídicos
ou raquíticos
bebendo almas
ou apenas semeando.

Dias cataclísmicos
ou retilíneos
regurgitando pássaros
ou apenas voando mariposas.

Dias noturnos
diuturnos ou soturnos
eu não me importo com turnos
eu não uso coturnos.

Dias telúricos
ou apenas um dia comum
onde eu sou mais um
ou sou o diferencial.

Dias e dias e dias sem fim
e estrelas cadentes sem dentes
e flores de cores amiúdes
e um poeta torto intermitente.

E agora já é madrugada
e agora eu canto dormindo
e agora eu vou partir
e a poesia escorre de mim.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...