segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Mágoas Extintas

Visualizações:



Nos inóspitos recônditos da mágoa
Encontramos motivos para perdoar
Reencontramo-nos com os próprios erros
E aprendemos também a não magoar

Extingui há tempos os velhos rancores
Eliminando os germes da insatisfação
Cultivo na mente os jardins sutis
Da felicidade e da gratidão

Colherei os frutos dessa plantação
Com a intenção de espalhar as sementes
Sem titubear criar novo bordão
Parafraseando o amor pertinente


Jonas Rogerio Sanches 
Imagem: Google

4 comentários:

  1. Lindo poema para começar bem a segunda-feira...
    Tenha uma semana encantada!!!
    Beijos no coração!♥
    Mari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário Mari...
      Tenha uma ótima semana também!!!
      Abração!!!

      Excluir
  2. Jonas, meu bom amigo e Poeta, aplausos a ti, diante da beleza, lucidez e sabedoria contida em seus versos.
    Extinguir mágoas, perdoar e amar deveria ser caminho a ser seguido constantemente por nós, pois, com certeza é o caminho que nos traz a verdadeira alegria e paz.
    Beijos e ótima semana
    Valéria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário Valeria e tenha uma ótima semana!!!
      Abraços!!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...