segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Frutos Maduros

Visualizações:



Frutos de longas batalhas
Esse sangue que banha a terra
Essa camisa molhada de lágrimas
E também esses olhos famintos de amor

Frutos de longas jornadas
Esses pés cansados e calejados
A face coberta de poeira
E a bagagem que traz grãos de areia

Frutos da fé e da crença
Os dias onde éramos crianças
Onde o que se via era pura inocência
Em meio ao caos e a demência

E onde estão nossos pais?
A vida já os tirou de nós?
Agora somos os novos pais
E os pais hoje são os avôs

Nascimento e morte constante
De sementes de idéias na mente
Umas brotam, mas outras padecem
E os frutos maduros adormecem


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

2 comentários:

  1. Um arraso de poesia.Cheia das verdades da vida...abraços,chica, de volta das férias!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário ✿ chica, tenha um dia iluminado e uma semana repleta de realizações... Abraços!!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...