quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Das Línguas à Evolução

Visualizações:



Das línguas faladas e grafadas
os sentimentos descritos sucintos
ou apenas um olhar carregado
de palavras não ditas, somente entendidas.

Das línguas do amor à poesia
transcrita e desdita ao amanhecer
ou à madrugada em atos ou fatos
de amantes que se sentem sem se descrever.

Das línguas histórias e estórias
dos tempos e as vozes dos ventos
carregam as eras nos prantos da guerra
ou gestos gritados de espada na mão.

E a dúvida esclarecida é nociva
as massas de línguas resumidas
contidas inteiras nas vias da evolução
constante e obstante nascidas do coração.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...