sexta-feira, 13 de abril de 2012

Confins do Universo

Visualizações:



Eu gosto de viajar pelos confins do universo
E pelo espelho olhar o meu reverso
Degustar o sol e seu calor supremo
E na janela deixar a luz transparecendo

Eu gosto das primaveras em quadros de aquarela
Olhar todos os tons de olhos semicerrados
E nas letras guardar as cores... Flores em poesia
Escutando as notas dispersas dos pássaros ao fim do dia

Eu gosto do seu afago... Seu toque enternecido
Sua voz soando doce... Chamando-me de querido
Logo eu ruborizo a face... Diante sua formosura
Nós juntos olhando ao mar o belo reflexo da lua

Eu gosto de viajar pelos confins do universo
Levando você comigo... Em um ônibus meteoro
Turnês pelo infinito... Onde a noite é o inverso
Sinfonias de alegria... Que hoje registro em versos


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

4 comentários:

  1. Adoro seus poemas...

    Tenha um belo final de semana!!♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Mari pelo seu apreço e visita... Grande abraço e um ótimo final de semana!!

      Excluir
  2. Olá Jonas,vim te ler,adorei tua poesia,linda e cheia de amor!
    Um beijo no coração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pela sua visita e pelo seu apreço Mel... Grande abraço e um final de semana iluminado!!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...