sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Chuva Amanhecida

Visualizações:


Amanheceu e a chuva
lavou-me a alma e a poesia
teve então versos molhados,
tão encharcados quanto eu.

Chuva abençoada da manhã
de fevereiro, trovões ribombam,
raios coriscam no céu plúmbeo
e a poesia é a sinfonia da natureza.

Chuva abençoada no jardim
de rosas, camélias e heliotrópios,
o beija-flor dança e paira no ar
e a poesia reflete gotículas de paz.

Amanheceu e a chuva
lavou-me a aura e a poesia
teve versos grandiloquentes,
tão altissonantes quanto o trovão.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...