domingo, 14 de novembro de 2010

Oh Vida

Visualizações:



Oh vida
De traços e laços
Suas origens e berço
Que se perde na noite dos tempos

Oh vida
De caminhos pedregosos
Lutas que se sucedem atraves de carmas
Batalhas que esclarecem e limpam a carne

Oh vida
Fluído translúcido
Semente do Todo
Origem de tudo

Oh vida
De imensa eternidade
Alicerce de verdades
Cores e potestades

Vida certa em tempo breve
Curta chance de trabalho
Vida longa em chão de estrelas
Caminhantes aliados


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

3 comentários:

  1. Olá amigo poeta!!Bom Dia!!

    Que lindo poema, tão intenso e profundo!!!!Adorei a imagem, formou um lindo quadro!!
    Parabéns!!
    Um lindo dia para você!!
    Atenciosamente

    ResponderExcluir
  2. Menino, senti sua falta!!!
    Vc sumiu?
    Lindo poema...
    bjussss

    ResponderExcluir
  3. Velinho é para mim uma honra muito grande poder ser seu amigo, nunca me esqueço de ti tenha certeza disso sempre e sempre...............Seu poema é lindo!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...