quinta-feira, 19 de abril de 2018

De um Amanhecido Elã Desorvalhado

Visualizações:

A imagem pode conter: planta, árvore, atividades ao ar livre, natureza e água

No pensamento um vento urge
um translúcido elã então surge
a pensar na flor já despetalada
sequelas do outono na madrugada;

há gotículas na folha inda orvalhada
são as lágrimas da estrela que se foi
e aquele beijo solar que vem depois
seca a sede de luz fotossintetizada;

há o pássaro de um mavioso trinar
lá do velho ipê a me acompanhar
entres as folhas o vejo, creio ser tico-tico
entres as letras contemplo esse dia bonito...

Jonas R. Sanches

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...