quinta-feira, 26 de março de 2015

Onde Mora a Poesia...

Visualizações:


Há uma poesia em cada momento,
no sol a poesia flamejante grita
pela poesia da chuva que precipita
em versos orvalhados junto à terra;

terra molhada e germina a letra-semente
que no caule viçoso vai poetar à lua
que clareia os passos do poeta à noite nua
e nas estrelas metáforas burilam a mente.

Há a poesia no olhar do cão amigo
e no fundo do lago que oculta em segredo
um poema molhado com peixes azuis
e no anzol a minhoca é um poeta de luz;

e a poesia continua em ponta de pena e nanquim
vertendo em rebento o verbo do eterno ninguém
que é o verso transverso que morre no verso
e infinito é o poeta que cirze letras no universo.


Jonas R. Sanches
Imagem: Van Gogh

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...