quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Indriso de Metáforas e Proeminências

Visualizações:


Eu canto no indriso o impossível
em letras o verso tão implausível
que transpõe subitamente o grão-vizir,

que elucida os motivos de existir
que envolvem o homem e as flores,
envolvem os auspícios dos amores.

Eu canto o indriso em força bruta e eloquente.

Eu canto em metáforas a poesia proeminente.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...