segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Um poema que escrevi olhando a rua

Visualizações:


Um poema escrito olhando a rua
que passa e olhando os transeuntes
que passam pela rua e também

olhando as estrelas do céu de agosto
que emprestam seus brilhos aos teus olhos
e nos mesmos olhos teus vejo outro brilho

e é um brilho que só tem os olhos apaixonados
como aqueles olhos que vi dentro do espelho
do quarto quando ainda eram prematuros

os sentimentos, mas, amadureceram
e transformaram-se em um grande amor
que afinal de contas, fez-nos bem,

fez-me escrever esse poema, olhando além
da rua, dos transeuntes, das estrelas...
Um poema olhando a beleza do nosso querer;

um querer que é desejo um do outro
mesmo que tenhamos que atravessar os céus
para nos encontrarmos em noites de lua cheia.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...