segunda-feira, 21 de julho de 2014

Amanhecer Inóspito

Visualizações:


Sinto a sensação do dia inóspito
e dos veios da terra um pensamento,
sinto o frescor alegre da rajada de vento
e do âmago do universo o novo verso.

Dia nascente de águas tão torturadas
pelos abrolhos incandescentes de natal
à maré baixa dos meus sonhos tem estrelas
presas na areia da ampulheta dos arrebóis.

Dia nascente incandescente calamitoso
buscando as flores de sete velas em ritual
que segue à risca todos os encantamentos
e adormece em sua prece nos braços do sol.

Sinto a sensação do dia inóspito
e das entranhas das almas um pensamento,
sinto o olor doce da boa nova que vem viçosa
e da ponta da pena nascem jardins de rosas.


Jonas R. Sanches
Imagem: Giuliana Capello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...