terça-feira, 3 de junho de 2014

Das Reflexões de um Amanhecer Gelado

Visualizações:


Em contrapartida a alma se equilibra
no verso, na vida imbuída, sofrida;
e no contraponto um tanto torto
o olhar já morto, eterno vislumbre do sol.

Verbalizações revisitadas na noite
onde gritos aflitos querem a poesia
que desmistifica a alegria passageira
de forma pioneira ou derradeira.

Meus ossos rangem com o frio
mas, a mente é suficientemente clara
e dispara entre linhas de horizontes
longínquos, onde moram novas ideias.

Até parece sem sentido algum
mas, coerências e coesões entrelaçadas
submetem alhures a uma nova reflexão
dos espíritos atordoados pela evolução.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...