domingo, 25 de maio de 2014

Tempos de Poesia

Visualizações:


Enquanto é tempo de poesia
a mente transparente brilha
em uma iridescência reflexiva
e na metáfora há o mistério.

Enquanto eu vivo a poesia
a mente mergulha profundamente
em um lago límpido de pensamentos
e nas analogias a vida e a morte.

Enquanto a natureza é poesia
o movimento é adequado e perpétuo
e as flores perfumam os versos
que fluem do equilíbrio universal.

Enquanto eu escrevo a poesia
a noite assiste com olhos de estrelas
todo essa órbita ininterrupta
que faz dos dias orbes de evolução.

Enquanto proliferar a poesia
no mundo inda haverá a alegria
mas, se os versos se extinguirem
minh’alma adormecerá em silêncio.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...