sexta-feira, 11 de abril de 2014

Poesia Equalizada

Visualizações:


Equalizando os pensamentos com o som
que voa livre nessa música dos tempos
que conta histórias de pura imaginação
e às espalha pelo mundo aos quatro ventos.

Minha vitrola é tão antiga quanto eu
mas faz ranger as dobras do seu esqueleto
quando ela grita as composições de Zeus
quando ela ruge pelas noites, pelos becos.

Equalizando minha guitarra com o céu
componho notas que são salmos violentos
e conto a lenda das vitórias de Perseus
e conto a vida com detalhes e contentos.

Minha vitrola canta rocks centenários
quando eu remexo aqueles discos no armário,
tem Led Zeppelin, tem Floyd e The Who;
e tem vertigens que relembram alguns beijos.

Equalizando minhas canções às poesias
eu chego a versos eloquentes espaciais
depois eu jogo-os em raras melodias
para então eu encontrar uma nova paz.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...