sábado, 8 de março de 2014

Primordial

Visualizações:


Primórdios dos tempos
a estrela e o vento
o raio e o evento
d’onde o fogo surgiu.

Primórdios da alma
a centelha e a aura
o barro e o sopro
d’onde o homem nasceu.

Primórdios da guerra
o fogo e o homem
e a alma se esconde
e a sede é de sangue.

Primórdios da miséria
ganância é a fera
e o homem agora chora
e a fome o devora.

Primórdios da morte
caminhos e sortes
abismos e revezes
e o homem padece em pecado.


Jonas R. Sanches
Imagem: Primordial Beat

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...