segunda-feira, 31 de março de 2014

Dos Verdejantes Olhares onde Apaixono

Visualizações:


Tão verdejantes seus olhares
oh meu pecado, menina-deusa;
só ao seu lado serei feliz de verdade
sem você se esvairia toda a vivacidade.

Seus rubros lábios tanto me encantam
me fazem louco, em meus desejos;
noites de lua em meus ensejos
noites vazias a te imaginar.

Amor platônico que dói, que mata
o coração, olhar vazio de aflição
olhando os longos dias que se vão
sem mais delongas, sem pôr do sol.

Almas tão próximas e tão distantes
em sentimentos, e a poesia é de lamento;
e a poesia é o espelho de muitas vidas
que passam sem viver o verdadeiro amor.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...