sábado, 1 de fevereiro de 2014

Atestado de Óbito

Visualizações:


Atesto para fins de eu mesmo
que a poesia é fundamental
e leio a bula com uma lupa, verde-musgo;
e queria ser brilho de estrela
em constelação, em galáxia longínqua;
e queria ser menos só,
queria ser areia do deserto
e voar de duna em duna;
voar até meu próprio final
e na lacuna do meu vazio
adormecer em cama de eternidade.


Jonas R. Sanches
Imagem: Constelação de Escorpião

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...