sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Do Interior de Si Mesmo

Visualizações:


Dentro do corpo uma tempestade
e o espírito se enevoa em turbilhão
cães se dilaceram na batalha interior
e trovões rugem no profundo da mente.

Dentro do corpo um furacão
e a alma se despe de qualquer pudor
vigiando a consciência no limite da dor
vasculhando a inconsciência em busca de amor.

Dentro do corpo vulcões em erupção
e o espírito se revela no âmago do coração
viravolteando toda a luz da sensação
e explodindo em morte e ressurreição.

Dentro do corpo é a guerra entre bem e mal
e a alma se contorce em vento sazonal
mas, quando tudo se acalma é revelação
e germina em terra fértil a poesia então.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...