segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Mergulhos Silenciosos

Visualizações:


Me resta o mergulho silencioso
nos mares do eu misterioso
onde há Deus e não há solidão,
onde minha consciência se recolhe;

e nessas águas viagens astrais
e o reencontro é com outra vida
onde há outro eu de outro tempo;
onde o inconsciente é revelação.

Vislumbres da profundeza calada
de um oceano de ponderações
onde há algo ainda incompreendido,
e aos olhos do espírito é a lembrança;

e nas visões ainda sou uma criança
que tateia seus primeiros sentidos
que mira uma jornada infinita;
e os sonhos presentes são translúcidos.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...