segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Horizontes Trêmulos

Visualizações:


Há um novo pensamento
e a poesia escorre pela caneta
grafando esse momento
por onde vislumbro a inspiração.

Há um novo verso em construção
e das palavras brotam dicionários;
vocabulários em desconstrução
empilhados na prateleira de um armário.

Há um novo olhar, no espelho;
e os reflexos vigiam os passos
e já não há medo ou embaraço
somente uma clareza a cintilar.

Há um novo sentimento
e dele uma nova rima surge
apressada, e o tempo urge
e o tempo é de uma eternidade.

Há uma nova possibilidade
e novos horizontes sobrepostos
o sol sobreposto as cores tardias
encerrando em pictórico poema.

Há o poeta e há sonhos e devaneios
descritos cada qual a sua maneira
transcritos em imagéticas absurdas;
e a interpretação é extremamente pessoal.


Jonas R. Sanches
Imagem: Africa by Anioleczek

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...