terça-feira, 10 de setembro de 2013

Heteronímico

Visualizações:


São tantos eus na minha vida,
o que observa e o que desconfia
adentrando nessa heteronímia
que chega a ser perturbação.

São tantos eus, tantos espelhos,
que refletem meus eus complexos
entre algum eu já tão convexo
ou obtuso aos paradoxos.

São tantos eus e um eu ortônimo
que vigilante e estrambótico
liberta um eu um tanto robótico
dessa mesmice cotidiana.

São tantos eus que até me esqueço
onde eu deixei minhas poesias,
se era alta noite ou novo dia
então plantei renascimentos

jogando o eu-semente ao vento
para colher a fantasia
entre outras coisas e catarses
para lembrar do qu’eu era antes.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...