domingo, 25 de agosto de 2013

As Vezes Lacunas Sentimentais

Visualizações:


Um pensamento
e a madrugada tão poética
às vezes, às vezes muitas vezes
rebatendo as ânsias melodramáticas
de um dia comum, da noite abstrata;
insensata como versos salubres
que ferem e dilaceram seres sentimentais
mas, o poeta intacto chora a solidão
remoída entre as lacunas dessa loucura
adormecida e amanhecida sem igual;
e nos aconchegos insuficientes
a morte se encontra com um sorriso imortal.


Jonas R. Sanches
Imagem: Google

Um comentário:

  1. Caro poeta Jonas!!!

    Passando por aqui para deixar o meu
    Abraço e carinho e deleitar-me com
    As suas poesias e poemas. Perdoa-me a
    longa ausência, mas meu tempo tem sido
    muito curto. Gostei muito do seu texto,
    aliás, como todos os demais são interessantes,
    de excelentes conteúdos poéticos. Está de
    parabéns.
    Que você tenha um lindo final
    De semana e, um domingo
    Maravilhoso.

    Beijos de luz!!!!!!!!!

    POETA CIGANO – 25/08/2013

    http://carlosrimolo.blogspot.com
    “Poesias do Poeta Cigano”


    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...