quinta-feira, 25 de julho de 2013

Ser Escritor em Dia de Escritor

Visualizações:


Ser escritor um sonho de criança
que vou tentando rascunhando letras
nos pergaminhos de outro planeta
ou na mesinha no canto do mundo.

Ser escritor em dia de holocausto
gravando o sangue com minha caneta
desagradando e fazendo careta
rasgando verbos à face do capeta.

Ser escritor ou até talvez poeta
rimando expurgos em becos escuros
deixando um verso pichado no muro
que é limítrofe da minha prisão.

Ser escritor é encarar a dor
da solidão das noites genuínas
de bar em bar buscando a menina
que dos meus olhos foi sem avisar.

Ser escritor gritando os sentimentos
cantando mudo, engarrafando vento
para beber na ceia dos lamentos
com outros tantos no esquecimento.

Ser escritor de amor ou de agonia,
na madrugada assassinando o dia
pra ser julgado no tribunal do espaço,
dilacerado dentro do espelho opaco.

Ser escritor... Talvez eu seja um dia;
rimando as cousas dos meus pensamentos
que vagam vastos de alucinações
tentando avivar e alquebrar os corações.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...