quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Infinitos Sonhos com Asas Angelicais

Visualizações:



Acende na alma a chama que ascende
e sublima os pensamentos quase meus
e a inspiração que eu capturei nas nuvens
plana por horizontes infinitos sem paz.

Caio, mas me levanto e não há pranto
somente um nó na garganta acompanha
e fortalece o equilíbrio necessário
para continuar caminhando por sobre a lâmina.

Deixo a poesia carregar meus anseios
e já não me decepciono, pois você me alegra
e me acompanha repleta de sinceridade
sem necessidade de guardar palavras.

Verto sangue sobre as minhas páginas
e das lástimas eu componho versos
e minha jornada tão dura é aprendizado
então deixo as intempéries de lado e sigo.

Eu tenho asas, emprestei-as dos anjos;
então eu voarei por entre os cumes inóspitos
e espalharei pétalas durante o sobrevoo
mas, a rosa mais bela eu colherei para ti.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...