quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Olhares Druídicos

Visualizações:



Olhos druidas na floresta negra
que cuidam liquens e agáricos
enfeitiçando lagartos cansados
bebendo elixires nos festins.

Olhos druidas entre as folhagens
e nas paragens os símbolos azuis
de um tempo deteriorado
onde a penumbra fazia-se luz.

Olhos famintos de estrelas
cegos tateando céus
mergulhando em cálices siderais
e aprisionando o próximo amanhecer.

Meus olhos castanhos e febris
dilatados por essa seiva
que embriaga e alucina
que sorve meus instintos.

E a esmo sou o agora tardio
que já não foi, apenas sorriu
por entre cores coladas na retina
por entre os cedros espalhados na colina.

Olhos druidas cansados e esbaforidos
sedentos de alvoradas luzentes,
ansiosos de observações astrológicas
sonolentos nesse inverno galáctico.

E agora os olhares se disfarçam
e a melodia dos arvoredos é cantada pelos ventos...


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...