segunda-feira, 13 de agosto de 2012

E se eu partir...

Visualizações:



E se eu partir cuide das minhas flores,
elas são tão belas e sensíveis
e suas cores refletem o divino.
Cuide-as e regue os jardins com meu sangue...

E se eu partir cante com meus pássaros,
eles vigiam minha janela na alvorada
e fazem seresta sempre em festa de alegria.
Cante com eles a marcha fúnebre do meu vazio...

E se eu partir guarde meus livros,
e as palavras ríspidas que proferi, tente perdoar
pois, na vida as vezes temos que ser duros.
Guarde minha poesia mais bela no seu coração...

E se eu partir, por favor, não chore
lembre do meu sorriso tímido e sincero
naqueles momentos que superamos o real.
Não derrame suas lágrimas por mim, somente me recorde...

E se eu partir espalhe minhas cinzas ao vento
regue as flores de inverno e alimente os pássaros;
transmita minhas poesias aos seus filhos e netos.
Pois se eu partir irei feliz e deixarei na escrivaninha meus costumes...

Somente não pranteie sobre os pergaminhos
onde gravei os sonhos em tinta nanquim...


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...