segunda-feira, 18 de junho de 2012

Luz Fragmentada

Visualizações:



Emancipo as possibilidades em palavras
E me desgarro dos grilhões do mundo material
Soberano de eu mesmo faço as escolhas
E voo em asas de todos os pensamentos

Sóbrio mergulho em uma luz fragmentada
Distorcida em prismas e caleidoscópios
E se formam arco-íris nas meninas dos meus olhos
Então sou partícula em movimento de ascensão

Sou aquele bosque de sagrados agáricos
Onde fui druida ou um simples lampejo de amor
Minh’alma já não adormece faz mil anos
Simplesmente vigia minhas vidas e mortes constantes

E os peregrinos continuam as suas jornadas
Enquanto eu escrevo as suas histórias
Sobrepondo as minhas vontades em cada linha
E desenhando um final quase feliz, um recomeço.


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...