domingo, 20 de maio de 2012

Noite Desfeita

Visualizações:



Em uma noite desfeita
Em riscos pálidos de estrelas
Que caem em mundos distantes
Definhando toda a luz esquecida

Em rios caudalosos onde nadam peixes coloridos
E a noite risca o horizonte
Em relutantes espasmos do dia
Onde a lua reflete o lago quase morto

Em uma noite desfeita
Em salpicadas nuvens da alvorada
Riscadas pelos deslumbres solares
Nos telhados mudos coloridos

E nos patamares estratosféricos
Onde nadam pássaros de penas coloridas
Riscando os ares dos pensamentos de Deus
D‘onde a vida jorra em todas as formas

Em uma noite desfeita
Em sonhos edênicos no travesseiro
Riscados por lembranças de outras vidas
Refletindo os karmas de um espírito livre

Nos livros inacabados dessa história
Onde estão as marcas de cada borboleta
Escritos em folhas de casulos de ouro
Pelas canetas do livre arbítrio de cada um


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...