sexta-feira, 6 de abril de 2012

A Cor da Saudade

Visualizações:



Por essas vias onde caminho ofegante
Deixo minhas pegadas sulcadas no chão
Deixo o sal de minhas lágrimas de sangue
E continuo sem desânimo ou dúvidas

A minh’alma sobressai entre as quimeras
E liberta-se dos pesadelos

O meu querer me guia
E o arrebol trás saudade do meu amor

A noite predomina e as trevas escondem as cores do seu olhar


Jonas Rogerio Sanches

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...