sábado, 11 de fevereiro de 2012

Os Primórdios da Busca

Visualizações:


Primordiais conhecimentos retidos
Pelas chaves do secreto da alma
Aventurei-me e enfrentei todo perigo
Buscando abrir o compartimento escondido

Deparei-me com tantos eus e suas facetas
E cada um com a sua dissertação
Tive que uni-los em um eu predominante
Com uma ação determinada e unificante

Assim galguei com ardor o primeiro degrau
Mas logo a frente estava o coração
Que dividido entre o certo e o extasiante
Impôs a regra d’eu ceder à meditação

Passaram eras ou minutos incontáveis
Não sei dizer tal qual seria a descrição
Até que o órgão do amor abriu suas portas
E me indicou onde mora a minha razão

Entrei correndo em direção aquela luz
Mas sua clareza fulminou a minha visão
Somente a voz da consciência eu escutei
Tudo que viste foi uma mera ilusão


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...