terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Inquietude

Visualizações:

Inquietude em minh’alma
E nos pássaros na janela
Até as abelhas lá na palma
E a chama lá na vela

Tento entender esse tormento
Essa minha falta de contento
Vou ao meu âmago questionar
Pergunto ao vento, ao sol e ao mar

Eles me dizem isso é saudade
Dos doces dias de companhia
Pois quando se ama de verdade
Segundos tornam-se eternidades

Então reflito que realmente
Essa distância que me deprime
Pois quando estou presente ao seu lado
A nossa luz torna-se sublime

Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...