domingo, 8 de janeiro de 2012

Eterno Caminhar

Visualizações:

Procuro por uma paz transcendente
Sei que ela habita os recônditos da mente
Mas o caminho a percorrer é árduo
Nessa busca que não é intermitente

Procuro a chave das minhas memórias
Juntando os fragmentos de minh’alma
Medito os passos dados minuciosamente
Para não me surpreender com os obstáculos à frente

Procuro explicações com o Divino
Às vezes numa espera tortuosa
Mas as respostas chegam ao seu tempo
Sendo-me trazidas por lufadas de vento

Procuro entender-me para explicar-me
Em poesias bucólicas elucidar-me
Conquistando em cada breve pensamento
Uma fagulha de luz e discernimento

Procuro o equilíbrio entre a vida e a morte
Libertando-me do sofrimento das perdas
Interagindo em corpo e alma com o Todo
Galgando degraus de existências inteiras

Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...