quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Viajor

Visualizações:

 

Mil cores e flores,  um rastro de amor
Esse é o meu caminho imune a dor
Estranhos momentos que ouso transpor
Rascunhos escritos por um trovador

Num vôo alegórico nessa via de luz
Decolo com minhas asas flamejantes
Minh’alma liberta que um anjo conduz
Entre sóis e estrelas tão inebriantes

Igual ao viajor do tempo e espaço
Por eras remotas construindo laços
Deixando na história minhas marcas eternas
Gravadas nas rochas dentro das cavernas


Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...