quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Poeta

Visualizações:


Sou poeta de corpo e alma
A rima é o remédio que me acalma
Soluciono nos versos a minha equação
Escutando o que diz o meu coração

Sou poeta do Sol e da Lua
Espalho minhas letras na tua rua
Brindo às estrelas o mistério noturno
E busco pra ti os anéis de Saturno

Sou poeta que canta ao meu Amor
No meu jardim ela é a mais bela flor
É a minha metade... É mulher poetisa
O archote e o guia que minh’alma precisa

Jonas Rogerio Sanches
Imagem: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...